Caracterização

GEOGRAFIA
Lorvão é uma vila portuguesa do concelho de Penacova, sede de freguesia com 28,3 km² de área e 3 898 habitantes (2011). Densidade: 151,3 hab/km². Está situada no extremo sudoeste do concelho de Penacova, em vale profundo e de exuberante vegetação, na margem direita do rio Mondego, distando sete quilómetros da vila de Penacova. A freguesia de Lorvão é constituida pelas seguintes povoações: Aveleira, Chelinho, Chelo, Foz do Caneiro, Granja do Rio, Lorvão, Paradela, Rebordosa, Roxo e São Mamede, conforntando com as freguesias de Figueira de Lorvão, Penacova, Brasfemes, Torres do Mondego, São Paulo de Frades e Arrifana.
 
ECONOMIA
Uma das principais tradições que tornou famoso o povo lorvanense, é o fabrico de palitos para os dentes. Actualmente, as paliteiras são cada vez mais uma raridade, no entanto a sua produção continua a ser uma das principais actividades económicas locais, a par da indústria de extracção de madeira, a serralharia e a construção civil. A agricultura, por outro lado, é uma actividade que visa apenas o auto consumo, em pequenas propriedades, donde se extraem batatas, cereais, legumes e vinho.
O sector terciário, por seu turno, também se encontra representado em Lorvão. Se, por um lado, faltam os serviços públicos, que se centralizam na sede concelhia, o mesmo não acontece com os privados, que se distribuem por bancos, seguros, advogados, gabinetes de contabilidade e de projectos de construção civil. O comércio, por outro lado, apresenta-se bem implementado, tanto a nível do alimentar, como do não alimentar a retalho. 
 
DEMOGRAFIA